Welcome visitor you can log in or create an account

Conheça a Tailândia

A cultura da Tailândia incorpora credos culturais e características indígenas da área conhecida na atualidade como Tailândia, assim como regiões da Índia, China e Camboja, junto com culturas pré-históricas próximas do sudeste asiático. É influenciada principalmente pelo Animismo, Hinduísmo e Budismo.

A língua oficial é o tailândes, membro do grupo linguístico Tai da Língua Kradai. Tem uma linguagem tonal com uma complexa ortografia e marcadores relacionais.[carece de fontes]. A língua é mutuamente inteligível com a língua Laociana. O país têm várias outras minorias de línguas e dialetos sendo a maior de todas o dialeto lao.

A religião oficial é o budismo teravada que de acordo com o censo de 2000, consistia de 94,6% do total da população. O segundo maior grupo religioso é o islamismo com 4,6% da população. Outros grupos religiosos incluem católicos, judeus e hindus. A lei prevê a liberdade de religião e embora novos grupos religiosos não tenham sidos registrados a partir dos já estabelecidos há liberdade para a prática religiosa não registrada e de grupos missionários. Não existem relatos de abusos ou discriminações baseadas no credo religioso embora existam conflitos na região sul entre budistas e muçulmanos.

A etiqueta local indica que é considerado rude tocar a cabeça de uma pessoa ou apontar uma pessoa ou a imagem de buda. Demonstrar muita emoção em público é considerado impróprio.5 Um dos gestos mais tradicionais é o Wai, empregado tanto para cumprimentar quanto para se despedir de uma pessoa.6 O arroz é o principal ingrediente da culinária embora seja de consistência diferentes no sul e norte. Temperos também possuem variação por região. Peixes e moluscos também são comuns e doces são consumidos como aperitivos.

Os principais feriados são associados as religiões. Outras datas seculares incluem 6 de abril que comemora a fundação da Dinastia Chakri, a data de falecimento do Rei Chulalongkorn (23 de outubro), e os aniversário da atual rainha Sirikit da Tailândia (12 de agosto) e do rei Bhumibol Adulyadej (5 de dezembro).

Conheça a Indonésia

As formas de cultura da Indonésia vêm sido moldadas pela interação de diversos grupos étnicos nativos da região e de culturas estrangeiras. A Indonésia se localiza em uma região atravessada por rotas comerciais entre o Médio Oriente, a Ásia Meridional e o Extremo Oriente, o que contribuiu para a difusão de diversas religiões na região, incluindo o Hinduísmo, Budismo, Confucionismo, Islamismo e Cristianismo, todas elas amplamente praticadas nas cidades mercantis indonésias até os dias atuais. O resultado dessa interação multicultural definiu o caráter complexo da cultura do país, assim como deu origem a inúmeros conflitos de sua história (a exemplo da repressão em Timor-Leste e na Papua Ocidental).

O contexto geográfico único da Indonésia gerou formas mistas de religiosidade, a exemplo da crença Abangan dos javaneses (que une elementos do Islamismo e do Hinduísmo), do Bodha (que une o Budismo e características do animismo) e o Kaharingan (que funde Hinduísmo e animismo das crenças aborígenes).

A tradição de dança oriunda da ilha de Bali conta de de antigos reinos budistas e hindus, ao passo que formas de arquitetura e arte islâmica estão presente na ilha de Sumatra, especialmente nas regiões de Minangkabau e Aceh. O Silat (Pencak Silat) é uma arte marcial exclusiva do arquipélago, que combina arte tradicional, música e esportes.

A cultura ocidental influencia até hoje as práticas científicas e indústria de entretenimento do arquipélago, assim como sua organização política e econômica. A música e cinema indiano contam como outras influências importantes nas práticas culturais indonésias; a dança popular dangdut mistura elementos de música folclórica malásia e árabe.

Também bem conhecidos são os espetáculos de teatro de sombras wayang kulit, de Java e Bali. Várias ilhas são famosas pelo seu vestuário batik e ikat.

Por fim, apesar da abertura dos indonésias para práticas culturais estrangeiras, diversas regiões remotas do arquipélago se esforçam para preservar sua identidade cultural única. Grupos étnicos como os Mentawai, Asmat, Dani, Dayak e Toraja, entre centenas de outros, ainda praticam suas rituais, costumes e modos de vida aparte das tendências urbanas da Indonésia pós-colonial.

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba todas as novidades que a Balithai prepara para você!